Buscar
  • Redação JBA

Seis dicas de um especialista em frio para aquecer o corpo nas baixas temperaturas

Marco Brotto, O Caçador de Aurora Boreal, tem mais de 10 anos de experiência em expedições ao Ártico e ensina os melhores truques

Imagem: Freepik

Os termômetros despencaram no Brasil e nem todo mundo está preparado para as baixas temperaturas. Afinal, como ficar aquecido sem ter roupas térmicas ou específicas para o frio? Marco Brotto, conhecido como O Caçador de Aurora Boreal, é um especialista em viagens aos países do Ártico em busca das tão sonhadas Luzes do Norte, as auroras boreais. Nas expedições, Brotto aprendeu as melhores formas de manter o corpo aquecido mesmo em temperaturas negativas.


“É preciso organização para encarar a neve e as situações climáticas bem diferentes do Brasil. Geralmente os brasileiros não fazem ideia de roupas e dicas para combater o frio”, explica. Para quem deseja ver a aurora boreal é preciso saber de antemão que a temperatura média tem muita amplitude. Nos meses de setembro chega a 18ºC positivos e no inverno até -40ºC. Atualmente morando em Curitiba, Brotto enfrenta na capital paranaense um inverno rigoroso para os padrões brasileiros com a temperatura frequentemente abaixo dos 10ºC. "As pessoas precisam entender o papel da escolha adequada dos tecidos das roupas e a importância de cobrir as extremidades do corpo, isto faz toda a diferença", detalha.


Confira as dicas do Caçador de Aurora Boreal:

  • Cubra sempre a cabeça: a cabeça é o lugar do corpo que mais perde calor e nessas horas quem não tem cabelo sente mais frio. A dica é sempre cobrir a cabeça com gorros, lenços, bonés, tudo para não deixar a temperatura no corpo se dissipar. E, ao lavar os cabelos, seque sempre com secador. Cabelo úmido é sinônimo de frio.

  • Evite roupas jeans: nada pior do que roupas de algodão nos dias frios, então evite calças jeans ou qualquer traje nesse tecido. “O algodão é péssimo para reter calor. O melhor tecido é a lã”, diz Brotto. Blusas, meias, gorros e outras roupas de lã vão garantir um inverno quentinho.

  • Frio no pé? Use as mãos: você é daqueles que sente muito frio no pé? Então esqueça a sobreposição de meias. A dica é bem fácil de seguir: tire as meias e com as mãos faça movimentos que deixem o pé quente. Após sentir o pé aquecido, vista a meia. “Esta dica é ótima! O aquecimento dos pés com as mãos faz o sangue circular e a pessoa se sente mais confortável imediatamente”, informa Brotto.

  • Toda atenção quando sair do banho: a temperatura no banheiro deve ser a mesma fora dele para que o calor do corpo se mantenha. “O ideal é deixar um aquecedor ligado para que a pessoa não perca o calor do corpo enquanto se seca e troca de roupa”, conta Brotto. Caso não tenha aquecedor em casa, se vestir ainda dentro do banheiro é uma boa opção.

  • Mantenha a pele aquecida: você tem aquecedor em casa, lareira ou forno a lenha? Então vale a pena sentar uns minutinhos em frente a estas fontes de calor usando pouca roupa. Desta forma a pele vai aquecer e, de quebra, o corpo todo fica quente. Só quando sentir a pele quente vista uma roupa. Manter a pele quente é a garantia de um corpo aquecido.

  • Beba líquidos quentes: optar por alimentos termogênicos, ou seja, aqueles que ajudam o corpo a produzir mais calor, como a canela, o gengibre, café, chocolate e o chá verde são uma excelente opção. Agrada ao paladar e aquece o corpo, ou seja, perfeito!