top of page
Buscar

Rampage: primeira Ram concebida e desenvolvida no Brasil

Por Vito Zanella


Um dos lançamentos mais aguardados dos últimos anos, a Rampage faz sua estreia mundial no Brasil carregando muitas primazias. Trata-se do primeiro veículo da Ram concebido e desenvolvido no País. Quinto veículo a sair do Polo Stellantis de Goiana (PE), que já contabiliza cerca de 1,4 milhão de unidades produzidas, a Rampage estará na rede de concessionárias Ram a partir de agosto, em três versões e duas motorizações: Rebel Turbo Diesel, por R$ 239.990,00; Laramie Turbo Diesel, R$ 249.990,00, Laramie Hurricane 4 Turbo Gasolina, R$ 259.990,00 e R/T Hurricane 4, por R$ 269.990,00.


Obra do Stellantis Design Center da América do Sul, todas as características marcantes dos desenhos das Ram 1500, 2500 e 3500 estão visíveis nesta primeira Ram concebida fora da matriz. A carroceria é toda nova e foi dada uma atenção especial às proporções de todos os volumes, para a carroceria ficar “musculosa”, de qualquer ângulo que se veja. Na Rebel o visual off-road dá as cartas, com o uso extensivo de peças externas com acabamentos preto e grafite. Na Laramie, predominam os acabamentos cromados e prateados em peças como grade dianteira, molduras dos vidros, capas dos retrovisores, maçanetas, logotipos, rodas e para-choque traseiro, trazendo um estilo mais tradicional. Já na versão mais esportiva, a R/T, toda a tradição da sigla famosa (“Road/Track”, Estrada/Pista) é exibida com uma mescla de componentes na cor da carroceria e preto brilhante. Em relação às principais dimensões externas, a Rampage tem 5.028 mm de comprimento, 1.886 mm de largura, 1.780 mm de altura, 2.994 mm de entre eixos e 264 mm de vão livre entre os eixos.

A Rampage vem para ser a picape mais potente fabricada na América do Sul. Isso se deve ao moderno motor Hurricane 4, aplicado pela primeira vez a um veículo produzido na região. Ele pode equipar as três versões, sendo que na R/T é a única motorização. São 272 cv de potência e 400 Nm (40,8 kgfm) de torque gerados pelo propulsor 2 litros de quatro cilindros em linha a gasolina. Na versão R/T, a Rampage acelera de 0 a 100 km/h em 6,9 segundos e tem velocidade máxima (limitada) de 220 km/h. Nas demais, o desempenho é de 0 a 100 km/h em 7,1 segundos e velocidade máxima de 210 km/h. O outro propulsor da Rampage é o já consagrado Multijet Turbo Diesel, de 2 litros, que entrega 170 cv de potência e 380 Nm (38,8 kgfm) de torque. Uma combinação capaz de ir de 0 a 100 km/h em 10,9 segundos e atingir até 186 km/h. O Multijet está disponível nas configurações Rebel e Laramie. Todas as versões da Rampage têm câmbio automático de nove marchas, com seletor e opção de trocas manuais através de aletas no volante. A tração é sempre 4x4 automática.


No interior os bancos foram inspirados em móveis premium, criando uma sensação de poltrona de sala de estar. O ar-condicionado é sempre digital, de duas zonas, e ainda inclui saídas para os passageiros de trás. A caçamba, além de contar com abertura elétrica (por um botão na chave), ela tem amortecimento, para baixar com suavidade e facilitar o levantamento, e iluminação interna também em LED. O conteúdo tecnológico é amplo. Ao entrar na Rampage é impactado imediatamente por 22,6 polegadas de telas. São 10,3” do quadro de instrumentos full digital e 12,3” do monitor da central multimídia Uconnect. O sistema se destaca pelo uso intuitivo e pela quantidade de recursos, como conexão sem fio para Android Auto e Apple CarPlay e possibilidade de parear dois smartphones ao mesmo tempo. No amplo console central, outro ponto alto é o RamCharger, carregador de celular por indução com saída de ar para resfriar o telefone. Falando em carregamento, 6 portas USB – sendo 3 do tipo C – estão espalhadas pela cabine, a maior quantidade entre as picapes compactas e médias oferecidas no mercado. Vale lembrar que duas dessas estão posicionadas em um porta-objetos localizado abaixo do console central.



Vito Zanella é jornalista e já passou pela redação de diversos jornais de São Paulo. Atuou como editor de algumas revistas e jornais especializados em automóveis, como Hot Motors, Autos & Afins (do MetroNews), Jornal Farol Autos e Bus Magazine, entre outros.

Comentarios


bottom of page