top of page
Buscar

Novo C3 chega ao Brasil a partir de R$ 68.990

Por Vito Zanella


Novo C3 é a grande novidade da Citroën para o mercado brasileiro em 2022. Primeiro de uma família de três modelos desenvolvidos e fabricados na América do Sul, o novo C3 chega ao mercado mais brasileiro com 70% de nacionalização, incluindo os modernos motores 1.0 Firefly e 1.6 16V EC5 produzidos nas fábricas de motores de Betim (MG) e Porto Real. Preços sugeridos vão de R$ 68.990,00 a R$ 97.990,00. Os icônicos Deux Chevrons (dois Chevrons, em francês), que remetem às engrenagens bihelicoidais criadas por André Citroën, receberam uma nova leitura com linhas duplas que começam por meio das luzes de condução diurna (DRL) de leds nos ousados faróis bipartidos e cruzam toda a dianteira até o centro, formando as linhas que identificam os carros da marca há mais de cem anos.


A atitude SUV se apresenta com um design que transmite robustez e força sem ser agressivo, com linhas verticais e vincos pronunciados ao longo de toda a carroceria. A dianteira carrega um para-choque cuja parte central sempre será na cor preta, aliando força ao estilo ao mesmo tempo em que protege o veículo de pequenos contatos no dia a dia. Abaixo dos faróis ficam as luzes auxiliares de neblina, que podem receber elegantes molduras embelezadoras. Nas laterais, o modelo carrega signos da atitude SUV de cima a baixo, começando pelas exclusivas barras de teto longitudinais, e passando pelos vincos que saem das extremidades da carroceria e levam seu olhar em direção ao centro do modelo. Arcos nos para-lamas agregam robustez ao visual e também protegem a carroceria. E, por falar em proteção, o novo C3 pode receber os exclusivos Airbumps, elementos posicionados na parte inferior das portas capazes de proteger a carroceria e dar mais robustez ao modelo.

Segundo a marca francesa, seu interior foi pensado para entregar virtudes normalmente presentes apenas em modelos superiores, com um amplo espaço interno. Com 3,98 metros de comprimento e 2,54 metros de entre-eixos, a cabine do novo C3 traz muito conforto e uma posição de dirigir elevada, como em um SUV. Seu 1,60 metro de altura e 1,73 metro de largura, inclusive, estão entre os melhores do segmento. O motorista terá os principais comandos à mão, em um painel que une forma e função. Elementos cromados podem destacar as ousadas saídas de ar-condicionado laterais verticais, enquanto os difusores centrais permitem uma rápida climatização de todo o interior, graças ao ar-condicionado de série com comandos reunidos em um só conjunto na parte central do console. Além disso, todo C3 terá painel em dois tons, com um elemento central na cor cinza Steel ou azul Metálico cruzando horizontalmente todo o conjunto.


No meio disso tudo fica outra exclusividade do novo C3: o Citroën Connect Touchscreen 10”. Essa central multimídia reúne, em uma interface simples e intuitiva, os comandos de configuração, rádio, bluetooth e integração com smartphones. Com ela, qualquer um que estiver dentro do C3 pode usar o Android Auto ou Apple Carplay de forma wireless, sem a necessidade de fios, bastando ter um smartphone compatível com a tecnologia. O conjunto pode ser controlado pela tela sensível ao toque ou por comandos integrados ao volante, que sempre serão oferecidos nas versões dotadas do Citroën Connect Touchscreen 10”. Essa conectividade total é complementada por até três conectores USB de recarga rápida, sendo dois voltados para o banco traseiro e um no console central, próximo do conector 12V. Macio e confortável, o banco traseiro com cinto de três pontos retrátil e encosto de cabeça em todas as posições inclui fixação para cadeirinhas no padrão Isofix/Latch. O modelo também oferece um grande porta-malas. São 315 litros de volume pelo padrão VDA (367 litros no volume total líquido) distribuídos em um compartimento alto e profundo, permitindo a colocação das mais diferentes bagagens. A tampa sempre tem fechadura elétrica e possui abertura ampla.


O novo C3 chega ao Brasil com duas opções de motores: o 1.6 16V da família EC5 com até 120 cavalos e 15,7 kgfm e o 1.0 Firefly de até 75 cv e 10,7 kgfm. O 1.0 Firefly marca a estreia da Citroën neste segmento no Brasil. Igualmente consolidado no mercado, o 1.6 16V EC5 alcança até 120 cv ao mesmo tempo em que apresenta um funcionamento silencioso e suave. O novo C3 também virá de série com indicador de trocas de marcha e monitoramento de pressão dos pneus em todas as versões, para que o motorista sempre tenha condição de fazer a condução mais eficiente. Com balanços dianteiro e traseiro curtos, o novo C3 tem ângulo de ataque de 23° e ângulo de saída de 39°. Sempre com 15 polegadas, as rodas com pneus de perfil alto (195/65) dão mais conforto sem comprometer a performance e segurança.


Versões - O novo C3 estreia nas lojas em sete versões de acabamento, incluindo as especiais First Edition 1.0 e 1.6. A porta de entrada acontece no pacote Live 1.0, que já vem completo. Entre os principais itens de série há direção elétrica, ar-condicionado, airbag duplo, controle de estabilidade e tração com assistente de partida em rampa, indicador de trocas de marcha, luzes de condução diurna (DRL), vidros dianteiros e travas elétricas, monitoramento de pressão dos pneus e painel digital com computador de bordo. O C3 Live Pack 1.0 soma a exclusiva central multimídia Citroën Connect Touchscreen 10” com Android Auto e Apple CarPlay sem fio, conector USB no console, volante com comandos do som e bluetooth e banco dianteiro do motorista com ajuste de altura entre os principais itens de série.


A versão Feel está disponível com motores 1.0 ou 1.6 16V e agrega vidros traseiros elétricos, alarme perimétrico, volante com ajuste de altura, luzes de condução diurna (DRL) de leds, rodas de liga-leve de 15”, barras longitudinais no teto, Chevron cromado e maçanetas na cor da carroceria. Quem busca ainda mais conforto pode optar pelo C3 Feel Pack 1.6 16V automático. Nele, o pacote de equipamentos é complementado com câmera de ré, volante com revestimento exclusivo, rodas liga-leve de 15” diamantadas, faróis de neblina e câmbio automático de seis marchas com opção de trocas sequenciais e modo eco. E para celebrar este momento histórico da Citroën e do C3, a marca prepara duas ações especiais. A primeira é a série limitada First Edition, com motor 1.0 ou 1.6. Ela acumula todos os itens do pacote Feel (1.0) e Feel Pack (1.6 16V Automático) com um visual único e terá somente 2.000 unidades. Nela, as barras longitudinais do teto são pintadas de cinza, os faróis de neblina recebem uma moldura branca, as laterais carregam Airbumps exclusivos e a cabine adota tapetes especiais, com a identificação First Edition. O nome da série especial também está nas placas de identificação nas portas e no porta-malas e a pintura metálica bitom é de série.



Vito Zanella é jornalista e já passou pela redação de diversos jornais de São Paulo. Atuou como editor de algumas revistas e jornais especializados em automóveis, como Hot Motors, Autos & Afins (do MetroNews), Jornal Farol Autos e Bus Magazine, entre outros.

Comments


bottom of page