Buscar
  • Redação JBA

Subprefeitura do Butantã intensifica ações de revitalização

Ação conta também com ajuda da comunidade na manutenção dos espaços

Revitalização de ponto viciado de lixo no Jardim Leonor (Imagem: Divulgação)

Os pontos viciados são locais onde ocorre o descarte irregular de lixo de modo recorrente. Eles são mais frequentes em esquinas e locais sem ocupação ou mal cuidados. O descarte inadequado pode atrair insetos e roedores transmissores de doenças, além de desvalorizar os imóveis da vizinhança. Para tentar eliminar esse problema, a Subprefeitura do Butantã, em conjunto com a empresa terceirizada Ecoss Ambiental, vem revitalizando diversos esses pontos. Só em 2021, já forão revitalizados oito pontos viciados de descarte irregular.


Recentemente, um trecho da Av. Joaquim de Santana, onde muitas pessoas descartavam móveis velhos, entulho e até lixo doméstico, recebeu as ações de revitalização. Os profissionais realizam os serviços de varrição e a retirada de volumosos. Também foi feita a lavagem da via, capina e pintura de guias. Uma pintura artística no muro e a construção de uma floreira para o plantio de mudas finalizou a repaginada do local. Já na Rua Dona Vitu Giorgi, foram realizados serviços de lavagem, capina e pintura de guias e sarjetas, e também uma pintura artística no muro, plantio de mudas e a instalação de vasos.


O descarte de resíduos nas ruas é crime ambiental e a multa pode chegar a R$ 16.693,28. As denuncias podem ser feitas pelo telefone 156 ou pelo Portal SP 156. O correto é contratar um serviço de caçamba. A Prefeitura de São Paulo oferece gratuitamente duas opções para o descarte de materiais, que são os Ecopontos e o serviço Cata-Bagulho.

0 visualização0 comentário