Buscar

Somos todos soldados!

Por Coronel Camilo


No último dia 25 foi celebrado o  Dia do Soldado, instituído em homenagem ao nascimento de Luís Alves de Lima e Silva, o Duque de Caxias, o patrono do Exército Brasileiro. É com orgulho que deixo meu reconhecimento a todos os soldados brasileiros. Nossos soldados, muitas vezes, acabam perdendo a vida por pessoas que sequer conhecem.


Nesta ocasião, faço uma saudação especial ao nosso soldado da radiopatrulha, àquele que, enquanto nós estamos aqui, está patrulhando nas ruas. Aquele soldado que às 2h, 3h, horas da manhã, horário em que estamos na nossa casa descansando, está lá nos protegendo. 


No período em que estive à frente do Comando Geral da PM, costumava sair tarde, às vezes 23h, às vezes meia-noite e, no caminho, sempre encontrava uma dupla de patrulheiros – muitos deles jovens outros já com longa data na Instituição, mas sempre preocupados em preservar a segurança das pessoas e zelar pelo cidadão mais fragilizado.


Entre os nossos soldados, há centenas de famílias envolvidas. Há casais trabalhando, são pais e filhos, ou seja, casos que emocionam, pois observamos o entusiasmo por pertencerem à PM paulista. Eu tenho um filho PM e meu pai era sargento. Enfim, é uma ligação para sempre. Mesmo quando passamos para a reserva, como no meu caso,  continuamos a servir com o mesmo espírito de ajudar - focados em melhorar cada vez mais a segurança de todos. 


Tenho certeza de que a população é agradecida pelos serviços de todos os soldados. É exatamente por isso que nós precisamos fazer o reconhecimento das tropas brasileiras. São heróis da radiopatrulha, da Força Tática, da Rocam, da Ronda Escolar, estão em uma guerra constante, todos os dias. Dos meus três anos de comando, infelizmente eu entreguei a bandeira para 48 famílias. Foi o número de policiais que morreram em serviço nos meus três anos como Comandante-Geral. Por isso que nós, sempre que pudermos, vamos aplaudir esse policial que está na rua, este soldado, assim como o soldado da Marinha,  Exército, da Aeronáutica, que acaba morrendo também defendendo o cidadão, mantendo a soberania nacional, defendendo o povo brasileiro.


Anteontem vi  na TV uma cena exemplo de dedicação e profissionalismo: bombeiros estavam resgatando um homem que havia caído na caixa d'água e foi levado com vida para um hospital após um, trabalho delicado. Esses homens saíram do seio da nossa sociedade e quiseram ter na vida uma missão, além de uma profissão, uma missão, de ser soldado. 


Atualmente, como Secretário-Executivo da PM, procuro ajudar a melhorar a qualidade de vida do policial militar e defendo os interesses da Corporação, pois é assim que eles podem se sentir mais valorizados e ajudar as outras  pessoas. Nada mais justo que aqueles que estão dispostos ao sacrifício da própria vida e se privam de tanto tempo ao lado dos familiares em razão do serviço sejam devidamente reconhecidos. 


Coronel Camilo é secretário-executivo da Polícia Militar. É formado em Administração de empresas pelo Mackenzie, com bacharelado em Direito pela Universidade Cruzeiro do Sul e pós-graduado em Gestão de Tecnologia da Informação pela FIAP e em Gestão de Segurança Pública pela Secretaria Nacional de Segurança Pública.

3 visualizações

Receba nossas atualizações

Siga nossas redes

  • Facebook - Círculo Branco

Copyright ©2020. Todos os Direitos Reservados 

Desenvolvido pela Redação do Grupo JBA

São Paulo - Brasil

joba@greco.com.br