top of page
Buscar

São Paulo lança a 7ª edição do Samba com as Mãos

Projeto que traduz sambas-enredo em Libras é realizado em parceria com a Liga Independente das Escolas de Samba de São Paulo (Liga-SP)

A Prefeitura de São Paulo, por meio Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência (SMPED), lançou no dia 29 de janeiro, na quadra da Mancha Verde, a 7ª edição do Samba com as Mãos. A ação, que traduz sambas-enredo em Libras, é realizada em parceria com a Liga Independente das Escolas de Samba de São Paulo (Liga-SP).


Buscando incluir pessoas surdas e com deficiência auditiva, a iniciativa, que teve sua estreia em 2016, disponibiliza vídeos com a tradução em Língua Brasileira de Sinais (Libras) dos sambas-enredo das escolas que pertencem ao Grupo Especial de São Paulo. A novidade deste ano é que o Grupo de Acesso I também foi inserido no projeto.


Ao todo foram 22 sambas traduzidos com o apoio de integrantes das agremiações, intérpretes de Libras e surdos. As gravações aconteceram no início deste mês em um estúdio montado na SMPED.


Os vídeos com as traduções passam a ser divulgados nas redes sociais da SMPED (Instagram e Facebook). A playlist completa estará disponível no canal Inclusão SP (Youtube). O objetivo é que até o dia dos desfiles a comunidade surda já tenha acesso a todos os conteúdos.


O Carnaval de São Paulo 2023 também vai contar com audiodescrição nos desfiles das escolas do Grupo Especial e Grupo de Acesso I, nos dias 17, 18 e 19 de fevereiro.

Comentarios


bottom of page