Buscar

Quarentena na visão kabalística

Atualizado: Jul 7

Por Aline Tenório


74 dias. Esse é o período de tempo oficial em que estamos vivendo (ou sobrevivendo) em isolamento social. Independente da forma como cada um lida com as limitações impostas por este período e, considerando que o ser humano, por natureza, busca constantemente relacionar-se e viver novas experiências, unanimemente o desconforto, a frustração e o tédio fazem e farão parte de nossas rotinas na quarentena, em maior ou menor proporção.

A Kabbalah, cujos ensinamentos são baseados em textos milenares que abordam as leis universais do macro e do microcosmos, tais como a Lei de Causa e Efeito e a Lei da Atração, enfatiza que as experiências que nos trazem a sensação de desconforto e contrariedade são uma valiosa oportunidade de ajustarmos a rota rumo à melhor versão de nós mesmos.

Segundo a Kabbalah, o mundo ao nosso redor – a realidade que percebemos por meio dos nossos cinco sentidos –, representa apenas 1% da realidade verdadeira. Os outros 99% estão ocultos à nossa percepção comum. Apesar do primeiro registro kabalístico, o Sêfer Yetzirá, ter cerca de quatro mil anos de existência, a veracidade desta visão foi comprovada apenas no século passado, com os avanços nos estudos da física quântica.

Correlacionando com a Lei de Causa e Efeito, o mundo do 1% é apenas o Efeito do mundo do 99%, que é a Causa de tudo. É nele que reside toda a possibilidade de criação, inovação, expansão e plenitude em todos os níveis, e o fato de encararmos essas condições como utópicas para a realidade, é porque entre nós e a conexão com esse potencial infinito, estão todas as crenças limitantes sobre não merecimento, incapacidade, inadequação; assim como sentimentos ilusórios de separação dos demais, arrogância, medo e egoísmo. Sem estas barreiras, você estaria 100% conectado no “provedor cósmico” do mundo do 99%, alterando a base causal e, por consequência, todo fluxo de acontecimentos de sua vida.

A quarentena, por permitir uma certa distância de nossas principais relações no mundo do 1%, que é apenas o Efeito, nos convida a observar com maior clareza e profundidade o que pode estar causando as sensações de insatisfação em cada uma das áreas da vida. Analise uma de cada vez, anote o que te desagrada, e busque dentro de você os motivos que o fizeram se desconectar do potencial infinito e virar uma “marionete” nas mãos do que alguns chamariam de destino. Investigue, especialmente, os padrões repetitivos como, por exemplo, variados relacionamentos em que há traição ou que você não é respeitado como merecido; ou variadas situações de trabalho em que se depara com chefes autoritários.

Este exercício é muito revelador, mas é claro que não é simples, afinal fazer a correta correlação dos Efeitos com as Causas reais requer uma reflexão profunda e um conhecimento maior sobre as leis que regem a nossa realidade. Se você gostou da abordagem da Kabbalah, sugiro a leitura inicial do livro “O Poder da Kabbalah”, de Yehuda Berg.

"A maioria das vezes você não precisa de um novo caminho. Você precisa de uma nova forma de caminhar”. Bert Hellinger


Aline Tenório é nutricionista e especialista em Biofísica Quântica Aplicada à Saúde.

154 visualizações

Receba nossas atualizações

Siga nossas redes

  • Facebook - Círculo Branco

Copyright ©2020. Todos os Direitos Reservados 

Desenvolvido pela Redação do Grupo JBA

São Paulo - Brasil

joba@greco.com.br