top of page
Buscar

Prefeito participa da recepção às delegações estrangeiras e autoridades nacionais em reunião do G20

O prefeito Ricardo Nunes participou da recepção de boas-vindas às delegações estrangeiras e autoridades nacionais presentes na 1ª Reunião de Ministros de Finanças e da presidência brasileira do G20, no Pavilhão da Bienal, no Parque Ibirapuera, na quarta-feira (28).


Prefeito Ricardo Nunes e o Secretário Municipal de Relações Internacionais Aldo Rebelo (Foto: Paulo Guereta/SECOM)

“É fundamental receber este evento. São Paulo, que é uma cidade que tem se destacado muito internacionalmente, poder receber aqui os ministros, presidentes dos bancos centrais do G20 nesse início alusivo a esta reunião, é muito importante. Então São Paulo está sempre presente em eventos importantes, especialmente esses de repercussão internacional”, disse o prefeito.


O Brasil assumiu, em 1º de dezembro do ano passado, a presidência rotativa do G20 para mandato de um ano, sucedendo a Índia (2022-2023). O País será responsável por organizar reuniões técnicas e ministeriais que culminarão na 19ª Cúpula do G20, que será realizada nos dias 18 e 19 de novembro de 2024, no Rio de Janeiro. Estão previstas mais de 100 reuniões em nível técnico e ministerial, em 17 cidades-sede.


O G20 é um grupo formado pelos ministros de finanças e chefes dos bancos centrais das 19 maiores economias do mundo mais a União Africana e União Europeia. Foi criado em 1999, após as sucessivas crises financeiras da década de 1990.


Serão debatidos assuntos do setor financeiro, a arquitetura financeira internacional, perspectivas econômicas, tributação e financiamento nos eixos prioritários da presidência brasileira. São esperados de 400 a 500 delegados governamentais.


A Prefeitura de São Paulo tem atuado como apoio à organização da reunião do G20 no Município, com o envolvimento da Secretaria Municipal de Relações Internacionais, da Secretaria Municipal de Segurança Urbana, por meio da Guarda Civil Metropolitana, da Secretaria Municipal das Subprefeituras, por meio da Subprefeitura da Vila Mariana, da Secretaria Especial de Comunicação, da Secretaria Municipal de Educação e da Companhia de Engenharia de Tráfego.


As ações do Município envolveram: facilitação de cessão não-onerosa do Pavilhão da Bienal de São Paulo, produção de materiais informativos sobre a rede hoteleira, gastronômica, cultural e hospitalar, acompanhamento pela Imprensa Jovem e outros apoios de divulgação, reforço de policiamento preventivo no perímetro e arredores, assessoramento à rede consular dos países-membro e convidados, gestão do trânsito imediato e nos deslocamentos.


Até o momento, essa reunião, é a única de nível ministerial confirmada em São Paulo e irá inaugurar a presidência brasileira do G20 na trilha financeira. O Município deve receber outros encontros dos grupos de engajamento da sociedade civil, o G20 Social, com destaque para o U20, grupo co-presidido por São Paulo e Rio de Janeiro que reúne cidades dos países do G20 a fim de pautar as prioridades urbanas aos chefes de Estado e governo.

Comments


bottom of page