top of page
Buscar

Policiais militares nas estações do metrô

Por Coronel Camilo


O Metropolitano de São Paulo, ou simplesmente Metrô, como é mais conhecido da população paulista, é um sistema de transporte metroviário que serve à cidade de São Paulo, no Brasil. O Metrô é operado pela Companhia do Metropolitano de São Paulo, sociedade de economia mista do estado e vem prestando serviços de qualidade desde 1974, quando foi inaugurado.


A segurança do Metrô é de excelência e reconhecida pela sua presença constante nas estações, principalmente nas plataformas e bilheterias. Além de levar segurança, a corporação, que conta com profissionais bem preparados e com constantes treinamentos, presta assistência em qualquer situação que o usuário necessite de ajuda, sempre com atenção, profissionalismo e responsabilidade.


Apesar desse primoroso trabalho feito pelos homens e mulheres da segurança do Metrô, recentemente tivemos algumas ocorrências pontuais preocupantes. Esses fatos aceleraram um processo de parceria entre o Metrô e a Polícia Militar de São Paulo, que vinha sendo estudada há algum tempo, para que policiais possam trabalhar, em conjunto com a segurança da Companhia, para dar maior proteção aos usuários.


A parceria será efetivada por meio de um convênio entre a Companhia do Metropolitano e o Estado, na qual os policiais poderão trabalhar, fardados, armados, nas estações, plataformas, terminais e até nas composições se necessário. Sempre integrados com a segurança do Metrô, os policiais militares terão contato direto com o policiamento territorial da área, na rua, acionando-o quando necessário, permitindo rápida intervenção em qualquer anormalidade.


De início serão cerca de 180 (cento e oitenta) vagas para policiais militares, que serão preenchidas com a utilização da DEJEM - Diária Especial de Jornada Extraordinária Militar, um nome extenso para definir a possibilidade do policial trabalhar na sua folga, por adesão - para aqueles policiais que desejarem - complementando sua renda, protegido pela lei e desenvolvendo um importante serviço pela população de São Paulo.


A solução encontrada já é utilizada com sucesso na Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), com a utilização da DEJEM, e agrega valor à segurança dos usuários, ao mesmo tempo em que não prejudica o policiamento da cidade, pois não retira nenhum policial da proteção da população.


Em breve policiais militares, fardados, armados, trabalhando integrados aos agentes da segurança, estarão presentes nas estações do Metrô, levando segurança a todos nós. Mais uma ação da Segurança Pública e do Metrô pela população de São Paulo.


Coronel Camilo é secretário-executivo da Polícia Militar. É formado em Administração de empresas pelo Mackenzie, com bacharelado em Direito pela Universidade Cruzeiro do Sul e pós-graduado em Gestão de Tecnologia da Informação pela FIAP e em Gestão de Segurança Pública pela Secretaria Nacional de Segurança Pública.

Comments


bottom of page