Buscar

Palmeiras e Santos decidem Copa Libertadores da América

Por Roberto Maia


Semanas atrás eu já havia previsto essa possibilidade. Mesmo tendo pela frente adversários duríssimos como os argentinos River Plate e Boca Juniors, Palmeiras e Santos mostravam que tinham condições de chegar à grande final da Copa Libertadores da América, que será disputada em jogo único no próximo dia 30 de janeiro, no Maracanã.


Para chegar à decisão, o Verdão eliminou o River Plate. Foram dois jogos totalmente distintos. O primeiro, na Argentina, o time comandado por Abel Ferreira fez excelente partida, dominou o adversário e construiu o placar de 3 a 0. Na partida de volta as coisas mudaram. Apesar de jogar em sua arena, o Palmeiras esteve irreconhecível. Os argentinos mandaram no jogo, fizeram dois gols válidos e outro anulado com a ajuda do VAR que gerou muita discussão. No último minuto do jogo o árbitro recorreu novamente ao VAR para verificar um possível pênalti para o River. No fim, jogadores e torcedores respiraram aliviados e comemoraram a classificação para a final.


Mesmo passando por esse sufoco, o Palmeiras chegou à final do principal torneiro sul-americano com méritos. Afinal, o time também está na decisão da Copa do Brasil e luta pelo título do Campeonato Brasileiro.

Palmeiras teve dificuldades contra o River Plate no Allianz Parque mas realiza excelente temporada e quer o título da Libertadores (Foto: Cesar Greco/Ag.Palmeiras)

Essa será a quinta vez que o Palmeiras disputará uma final de Libertadores. Nas oportunidades anteriores venceu apenas em 1999, sendo vice-campeão nas edições de 1961, 1968 e 2000.


O Santos por sua vez chegou à decisão sobrando em campo. Depois de um empate sem gols na Argentina, atropelou o Boca Juniors na Vila Belmiro e venceu por 3 a 0. E poderia ter marcado mais se seus atacantes não tivessem desperdiçado chances claríssimas de gols. O nome do jogo mais uma vez foi Marinho que liderou o time e mostra uma ótima fase. Inclusive com chance de aparecer na próxima lista de convocados para a Seleção Brasileira.


O Peixe também fará a sua quinta decisão de Libertadores. Nas vezes anteriores foi campeão em 1962, 1963 e 2011 e foi vice em 2003.

Santos eliminou o Boca Juniors e chega à sua quinta final do torneio sul-americano para brigar pelo tetracampeonato (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

Pela terceira vez, dois times brasileiros disputarão a final da Copa Libertadores. A última vez foi em 2006, quando o Internacional venceu o São Paulo e ficou com a taça. Anteriormente, em 2005, o Tricolor derrotou Athletico Paranaense e se sagrou tricampeão do torneiro sul-americano.


Santos, São Paulo e Grêmio são os maiores vencedores brasileiros da Copa Libertadores com três conquistas cada. Flamengo, Internacional e Cruzeiro são bicampeões da América, enquanto Palmeiras, Vasco, Corinthians e Atlético-MG venceram apenas uma vez.



Roberto Maia é jornalista e cronista esportivo. Iniciou a carreira como repórter esportivo, mas também dedica-se a editoria de turismo, com passagens por jornais como MetroNews, Folha de São Paulo, O Dia, dentre outros. Atualmente é editor da revista Qual Viagem e portal Travelpedia.


1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Receba nossas atualizações

Siga nossas redes

  • Facebook - Círculo Branco

Copyright ©2020. Todos os Direitos Reservados 

Desenvolvido pela Redação do Grupo JBA

São Paulo - Brasil

joba@greco.com.br