top of page
Buscar

O Água Santa chegou e o Paulistão 2023 terá final inédita

Por Roberto Maia


De um lado deu a lógica e o Palmeiras vai disputar a quarta final seguida do Campeonato Paulista. O Verdão confirmou a vaga ao derrotar o Ituano por 1 a 0, no Allianz Parque, com gol marcado pelo zagueiro Murilo.


Já o adversário do Palmeiras na final do Paulistão 2023 será o surpreendente Água Santa, que alcançou a classificação após empate por 1 a 1 no tempo normal com o Red Bull Bragantino e vitória nos pênaltis por 4 a 2, na Vila Belmiro, em Santos.


O time de Diadema chega à disputa do título paulista pela primeira vez na sua curta história no profissionalismo. O feito também garantiu ao Água Santa a vaga na Série D do Campeonato Brasileiro, bem como na Copa do Brasil de 2024.


Fundado em 1981 com o objetivo de atuar na várzea na região do ABC paulista, o Água Santa atingiu seu objetivo. Conquistou 17 títulos atuando como uma equipe amadora. O sucesso levou à profissionalização em 2011.


Disputou o Campeonato Paulista da Segunda Divisão pela primeira vez em 2013. E o desempenho não poderia ser melhor. O time conquistou três acessos consecutivos e em 2016 chegou à Série A1 do Paulistão. Porém, o clube foi rebaixado para a Série A2 na mesma temporada.

O Água Santa, que conta com jogadores experientes em seu elenco, disputa pela quarta vez a Série A1 do Campeonato Paulista. (Foto: Rodrigo Corsi/Agência Paulistão)

O Água Santa retornou à elite do futebol paulista em 2020, nas foi novamente rebaixado. Voltou à Série A1 em 2023, e, disposto a não cair novamente, chegou mais preparado e está na final do Paulistão. Essa é apenas a quarta vez que disputa a Primeira Divisão do Campeonato Paulista.


O mando do primeiro jogo da final é do Água Santa. Porém, não poderá ser disputado em seu estádio que tem capacidade para menos de 10 mil pessoas. E também não tem iluminação, tanto que seus jogos não são disputados à noite.


Embora favorito, o Palmeiras certamente não terá vida fácil. O Água Santa mostrou que está preparado após eliminar o São Paulo e o Red Bull Bragantino. Com um elenco com jogadores experiente e um sólido sistema defensivo, o time de Diadema joga toda a pressão para cima do Verdão.


Semana passada eu disse que a zebra estava solta no Paulistão deste ano. E o Água Santa, que não chegou à final por acaso, comprova isso. Agora cabe ao Palmeiras colocar um ponto final nas surpresas ou permitir um campeão inédito em São Paulo.


Os jogos da final do Paulistão serão disputados nos dias 2 e 9 de abril.

O zagueiro Murilo marcou contra o Ituano e colocou o Palmeiras na sua quarta final consecutiva no Paulistão. (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

Roberto Maia é jornalista e cronista esportivo. Iniciou a carreira como repórter esportivo, mas também dedica-se a editoria de turismo, com passagens por jornais como MetroNews, Folha de São Paulo, O Dia, dentre outros. Atualmente é editor da revista Qual Viagem e portal Travelpedia.


Comments


bottom of page