Buscar
  • Redação JBA

Museu Afro realiza uma das maiores exposições fotográficas do país

Com curadoria de Diógenes Moura, a mostra Terra em Transe trata de assuntos como a pandemia e seu impacto na vida dos brasileiros

Imagem: Leda Abuhab

O Museu Afro Brasil apresenta a exposição Terra em Transe, que após a 1ª edição no Museu de Arte Contemporânea do Ceará em 2018, chega atualizada e ampliada na capital paulista, com a adição de temas como as queimadas no Pantanal e na Amazônia, o incêndio na Cinemateca, o desastre ambiental de Brumadinho e a tragédia social provocada pela pandemia, com obras de Araquém Alcântara, Boris Kossoy, Carla Carniel, Dani Tranchesi, Daniel Kfouri, João Castellano e Michael Dantas.


Ao todo, são 60 fotógrafos e cerca de 600 imagens reunidas na exposição, inicialmente programada para 2020, mas que precisou ser adiada devido à pandemia. “É um desejo antigo do Museu exibir aqui Terra em Transe, que discute temas viscerais do Brasil, trazendo à tona retratos das injustiças sociais, raciais e políticas do país”, afirma Emanoel Araujo, diretor curador do Museu Afro Brasil.


As novas imagens e vídeos se juntam às obras originais da exposição, de autores como Miguel Rio Branco, Nair Benedicto, Maureen Bissiliat, Mario Cravo Neto, Ewandro Teixeira, Marlene Bergamo e Lalo de Almeida ao lado de registros de fotojornalistas de todo o Brasil destacando desde o AI-5, em 1968, até o incêndio no Museu Nacional em 2018, passando pelas manifestações religiosas, o caos urbano, os desastres ambientais e as desigualdades sociais e raciais no país.


Sobre o Museu Afro Brasil

O Museu Afro Brasil, localizado no Pavilhão Padre Manoel da Nóbrega, dentro do Parque Ibirapuera, conserva, em 11 mil m², mais de 8 mil obras, entre pinturas, esculturas, gravuras, fotografias, documentos e peças etnológicas, de autores brasileiros e estrangeiros, produzidos entre o século XVIII e os dias de hoje. O acervo abarca diversos aspectos dos universos culturais africanos e afro-brasileiros, abordando temas como a religião, o trabalho, a arte, a escravidão, entre outros temas ao registrar a trajetória histórica e as influências africanas na construção da sociedade brasileira.


Serviço

Exposição Terra em Transe Visitação: Até o dia 5 de dezembro, das 10h às 17h (permanência até as 18h) Local: Museu Afro Brasil Endereço: Parque Ibirapuera, Portão 10/ Estacionamento pelo Portão 3 Ingressos: R$ 15 (meia-entrada R$ 7,50)/

Entrada gratuita às quartas-feiras

1 visualização0 comentário