top of page
Buscar

Jornadas fantásticas: Carretera Austral

Por Paulo Panayotis


Aysén, Carretera Austral / Patagônia Chilena. O nome Aysén, segundo corre a lenda, é uma “chilenização “da frase inglesa “Ice end”, que pode ser traduzida como “onde o gelo termina” ... A região de Aysén fica a mais de 1500 quilômetros da capital, Santiago, exatamente no meio da Carretera Austral. Trata-se de uma obra gigantesca, quase sobre humana, deixada pelo regime ditatorial do general Augusto Pinochet nos anos de chumbo do Chile. Tal carretera, ou estrada, foi inacreditavelmente construída em meio a montanhas de pedra, no meio de nada. E creia: ainda não está totalmente asfaltada.

Carretera Austral: uma estrada cênica no fim do mundo!

O objetivo era conectar por terra o sul do Chile, um dos territórios mais inóspitos e com a menor densidade demográfica do planeta. Hoje, essa estrada que tem mil e duzentos quilômetros, começa em Puerto Montt, passa por Aysén e termina na extrema e gelada Villa Ohigin’s, no extremo sul da América do Sul. É de fato o fim do mundo! Mas é também a redenção de colonos e a certeza de um turismo cada vez mais moderno, original e autêntico. Sempre quis conhecer a Patagônia, especialmente a chilena, já que existe também a Argentina, mais habituada a turistas brasileiros. Mas creia meu amigo: original, selvagem e sofisticada mesmo é a parte chilena que surpreende a cada curva, a cada instante, a cada olhar. “A Carretera Austral deve terminar de ser asfaltada em cerca de 20 a 25 anos”, afirma Rodrigo Bravo, diretor geral do hotel Loberías Del Sur, localizado em Puerto Chacabuco e seguramente o melhor de toda a região.

Rodrigo Bravo(d), diretor geral Loberías Del Sur e Jaime Borquez(e), assessor de imprensa do hotel

Por conta disso”, completa ele, “o turismo aqui irá crescer cada vez mais e de forma profissional e ordenada, especialmente para quem gosta de aventura com sofisticação e luxo, como os turistas brasileiros.” Não é apenas uma previsão, mas uma constatação! Passei sete dias viajando pela região, alguns deles com Rodrigo e vivenciei de fato o que ele afirma na teoria.


Parador e Hotel Loberias del Sur São as duas melhores e mais confortáveis opções de hospedagem na região. O hotel Loberías del Sur (lobos marinhos do Sul) é um quatro estrelas moderno e cheio de charme. Oferece estadia com todas as refeições, drinques sofisticados e culinária refinada.

Sala de estar Parador Loberias Del Sur com deck e vista para o rio Backer

Além disso, disponibiliza os melhores passeios utilizando instalações construídas pelo próprio grupo que administra o hotel, como visita aos glaciares, caminhadas guiadas, almoços típicos no meio do nada, enfim, experiências completas e originais! Foi assim que conheci o rio Baker, de um azul turquesa quase impossível e o Parador Loberías Del Sur!

Rio Backer: azul turquesa profundo sem retoques

O mais caudaloso do Chile, este rio faz a alegria de canoístas e de quem adora rafting, mas não só isso. Apenas sentar e observar esse majestoso rio cuja água é toda de degelo dos glaciares é, por si só, algo inesquecível. Longe do hotel, construído às margens do Rio Baker (se lê báquer), em meio a uma luxuriante floresta de carvalhos típicos, o Parador oferece o local ideal para observar, relaxar, meditar. E tudo em grande estilo, com aquele tipo de luxo rústico que eu adoro e atendimento cinco estrelas, com jantar a luz de velas e lençóis de linho egípcio com 700 fios. Um chique rústico primorosamente minimalista!

Piscinas de águas quentes na Enseada Perez

Mais um capricho da natureza patagônica! Em meio às águas geladas da Enseada Perez, a cerca de 50 quilômetros de navegação do hotel Loberías Del Sur, um mergulho em águas escaldantes que vem direto do centro da terra!

Jornalista Paulo Panayotis nas águas quentes naturais da Enseada Perez

Aqui foram construídas três piscinas que represam as águas quentes e aquecem os corações e mentes dos turistas. Mais uma vez, o pacote é completo: transporte, catamarã, piscinas, roupões e, claro almoço com direito a open bar com pisco sour e demais bebidas. Inesquecível a sensação de estar no meio do nada, com água gelada a alguns metros de você, imerso em água quentinha, observando o mundo passar e saboreando um bom drink! Salut Chile! Salut Patagônia! Voltarei, ah se voltarei!!!

Serviço cinco estrelas: ceviche, empanadas e drinks nas exclusivas piscinas de aguas quentes

Jornalista se hospedou e fez os passeios a convite do hotel Loberías Del Sur com chip A Casa do Chip e seguro de viagem Universal Assistance.



Fotos: Paulo Panayotis


Paulo Panayotis é jornalista profissional, ex-correspondente internacional de Tv, escritor e viaja com patrocínio e apoio Avis e Universal Assistance.


תגובות


bottom of page