Buscar
  • Redação JBA

Fevereiro começa com 1.000 vagas de emprego no Cate

Pouco mais da metade das oportunidades está no setor de serviços na atividade de telemarketing


A Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo da Prefeitura de São Paulo abre o mês de fevereiro disponibilizando 1.000 vagas de emprego nas áreas do comércio, serviço e construção civil. Das oportunidades para serem preenchidas 52% é para o cargo de operador de telemarketing. Para participar do processo seletivo é necessário se inscrever pelo site www.bit.ly/vagasnocate até o dia 3 de fevereiro, às 18h. “As oportunidades na área de telemarketing vêm crescendo nas últimas semanas, tendo apresentado no Cate (Centro de Apoio ao Trabalho e Empreendedorismo) um aumento de 58% das vagas ofertadas, se compararmos com 15 dias atrás. Uma mostra que a economia vem gradualmente retomando as atividades”, destaca a secretária de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo, Aline Cardoso. “Além disso, é uma atividade que dá chances para quem está começando na vida profissional ou para o trabalhador que está disposto a mudar de área, oferecendo um dinamismo para inserir pessoas no mercado em faixas etárias distintas”. Os interessados em trabalhar como operador de telemarketing encontram 523 vagas, sendo 80 em modelo home office. Os ganhos chegam a R$ 1.200 com oportunidades nas regiões sul, oeste e central. O ensino médio completo será exigido dos candidatos, assim como o superior em andamento para algumas das posições. Já quem tem experiência como leiturista de energia residencial pode se inscrever para 200 oportunidades pelo Cate. As vagas são para a zona sul da capital com rendimentos de R$ 1.308, sendo necessários já ter concluído o ensino médio. Quem atua no setor de confecções tem chances de conquistar um novo emprego como costureira geral, cortador de roupas e enfestador (operador de máquinas). São 86 vagas para o bairro do Bom Retiro – salários variam entre R$ 1.400 e R$ 1.800. É necessário experiência no ramo e ter entre o ensino fundamental e médio completos. Vendedores têm à disposição 63 postos para ocupar, sendo a maioria para vendas porta a porta, com ganhos de até R$ 1.500. Não será exigida experiência anterior e a atuação não é fixa, requerendo disponibilidade de horários dos candidatos. Cate Móvel Para auxiliar candidatos que não possuem acesso a computadores e à internet, o Cate Móvel estará em quatro bairros da capital entre os dias 1º e 12 de fevereiro, exceto no final de semana. O atendimento ocorre das 10h às 16h e é voltado ao cadastro para vagas de emprego. Para ser atendido é necessário retirar uma das 60 senhas distribuídas no dia de atendimento e que expiram na mesma data. Os interessados devem levar RG, CPF e carteira de trabalho. Quem não possui a carteira de trabalho, pode baixar o documento pelo aplicativo disponibilizado pelas lojas da Apple Store e no Play Store do Android ou no site do governo federal https://servicos.mte.gov.br/.

Serviço Programação do Cate Móvel Período: 1º a 5 e de 8 a 12 de fevereiro Horário: 10h às 16h Zona Norte - Horto Florestal/Lauzane Paulista Av. Parada Pinto, 2.262, Horto Florestal (Estacionamento do Andorinha Hiper Center) Zona Oeste – Jd. Santa Fé/Pq. Anhanguera Praça Paulo Maurício Zona Leste – Guaianases Praça Getúlio Vargas, s/nº (em frente ao Mercadão Municipal de Guaianases) Zona Sul – Vila Rubi/ Capela do Socorro Local: Rua Domingos Tarroso, 632 (em frente à Associação dos Moradores da Vl. Rubi) Processo seletivo Inscrição: até 3 de fevereiro, às 18h Site: www.bit.ly/vagasnocate

5 visualizações0 comentário