Buscar
  • Redação JBA

Festival Varilux de Cinema Francês e traz 17 filmes inéditos e dois clássicos

Edição terá sessões especiais para celebrar a vida e a obra de Jean-Paul Belmondo

Cena do filme "Adeus Idiota" (Imagem: Divulgação)

O Festival Varilux de Cinema Francês começa nesta quinta-feira (25) e vai exibir 19 filmes até o dia 8 de dezembro. O evento acontece simultaneamente em todo o Brasil e é considerado o maior evento do mundo dedicado à cinematografia da França fora do país. Na programação, serão projetados 17 filmes inéditos e dois clássicos. O festival acontece há 12 anos nas telas de cinema do Brasil. Entre os filmes exibidos, está produções premiadas como a comédia dramática “Adeus, idiotas”, escrita, dirigida e interpretada por Albert Duponte, que ganhou sete prêmios César e foi indicada a 13.

Único documentário do festival, “Nosso Planeta, Nosso Legado”, do diretor Yann Arthus-Bertrand, compartilha a visão sensível e radical do mundo atual, de uma humanidade que não reconhece a destruição do planeta.

Presença constante no festival, o director François Ozon terá sua mais nova obra, “Está Tudo Bem”, que integrou a seleção oficial da última edição de Cannes. O longa-metragem discute a eutanásia e o suicídio assistido.

Ainda sobre a temática da finitude, uma das mais aclamadas atrizes do cinema francês, Catherine Deneuve, brilha no filme “Enquanto Vivo”, sob a direção de Emmanuelle Bercot. No drama, ela interpreta uma mãe diante da doença incurável do filho.

Também integram a programação do Festival Varilux dois clássicos: As Coisas da Vida”, de 1970, de Claude Sautet, com a Romy Schneider e Michel Piccoli, nos papéis principais, e “O Magnífico”, de 1973, dirigido por Philippe de Broca, com Jean Paul Belmondo, grande homenageado nessa 12ª edição do Festival.


E, para deixar os amantes da gastronomia com água na boca, a mostra apresenta “Delicioso: da Cozinha para o mundo”, comédia estrelada por Grégory Gadebois e Isabelle Carré, sob a direção de Eric Besnard. O filme de época conta um pouco dos primórdios da culinária francesa, bem como a criação do primeiro restaurante do país, antes mesmo da revolução francesa acontecer.

Vencedor da Palma de Ouro no Festival de Cannes 2021 e representante da França no Oscar do ano que vem, o terror “Titane”, dirigido por Julia Ducournau e com Vincent Lindon, Agathe Rousselle e Garance Marillier no elenco principal, poderá ser assistido pelo público do festival em algumas cidades.


A lista de cinemas participantes e filmes pode ser conferida em https://variluxcinefrances.com/2021. O valor do ingresso é o já cobrado por cada exibidor.