Buscar
  • Redação JBA

Exposição “Mátria” chega a Estação Campo Belo

Artista mostra obras inspiradas em lutas e conquistas das latino-americanas e questiona o papel de sexo frágil e dócil imposto às mulheres na arte

Artista visual e muralista, a paulistana Priscila Barbosa busca inspiração para compor seu trabalho na força da mulher latino-americana, expressa por meio de suas lutas e conquistas. Sua arte pode ser conferida em agosto na Estação Campo Belo, uma realização em parceria com a ViaMobilidade, concessionária responsável pela operação e manutenção da Linha 5-Lilás de metrô.


Sua arte faz referência especialmente a brasileiras, argentinas e chilenas, e aborda questões de corpo, cor, maternidade e padronizações impostas. Priscila questiona a forma como a mulher é quase sempre representada ao longo da história da arte. Valendo-se de poses e cenas da arte clássica europeia, propõe uma reflexão sobre o papel frágil de musa dócil atribuído à mulher.


“A exposição é uma forma de homenagear a força e a potência das mulheres”, diz Juliana Alcides, gerente de Comunicação e Sustentabilidade da ViaQuatro, “A mostra faz parte dos objetivos da ViaMobilidade que, além de oferecer um transporte seguro e confortável, tem como propósito levar às pessoas que circulam por suas estações oportunidades de contato com diversas manifestações artísticas”, completa.


“Estar em estações de metrô de São Paulo é, para mim, dar acesso ao meu trabalho para além dos espaços tradicionais da arte e ampliar discussões tão importantes hoje”, diz a artista Priscila.

No ano passado, Priscila pintou um muro da ViaQuatro de 9 metros de largura por 3 metros de altura na Avenida Rebouças, em homenagem aos profissionais da saúde na linha de frente no combate à covid-19.


Sobre a artista Priscila Barbosa:

Priscila Barbosa, 30, é artista visual, muralista e ilustradora paulistana. É graduada em Artes Visuais pela Belas Artes e possui extensões nas áreas de Ciências Sociais pela PUC-SP.


Serviço:


“Mátria”, exposição de Priscila Barbosa


Estação Campo Belo: de 4 a 31 de agosto

11 visualizações0 comentário