Buscar
  • Redação JBA

Exposição apresenta os bastidores dos programas da NASA e chegada do homem à Lua

Mostra "Futuro Espacial" no Farol Santander vai até 5/12

Imagem: Divulgação

O Farol Santander traz para a cidade de São Paulo uma exposição inédita na América Latina sobre missões espaciais: a "Futuro Espacial". A mostra celebra os mais de 50 anos da chegada da humanidade à Lua, e é uma oportunidade para os amantes de astronomia conhecerem detalhes sobre explorações da NASA, desde os primeiros programas até os projetos mais recentes.


Ali, os visitantes podem entender mais sobre os esforços passados e atuais na busca de alternativas para uma vida melhor que o espaço pode proporcionar. Nesse contexto, a exposição chega em um momento no qual bilionários americanos alavancam o turismo espacial.


“O conhecimento do universo sempre instigou nossa imaginação e o Santander patrocina essa exposição que conecta passado, presente e futuro. Queremos oferecer aos visitantes a oportunidade de lançar nosso olhar para além do planeta Terra e refletir sobre as descobertas cientificas e inovadoras que, muito em breve, auxiliarão ainda mais o bem-estar de todos nós”, comentou Patricia Audi, vice-presidente de Comunicação, Marketing, Relações Institucionais e Sustentabilidade do Santander Brasil.


A mostra aborda a conquista da Lua e os desafios para se chegar a Marte. Além disso, contém informações, fotos e réplicas da nova geração de foguetes, veículos e robôs, bem como os trajes utilizados por astronautas. Outro destaque é a evolução da Estação Espacial Internacional — maior laboratório orbital da Terra — e projetos científicos relacionados.

Estação Lua

Imagem: Divulgação

A primeira parte da exposição tem como foco a Lua, que aparece em um ambiente imersivo com iluminação, pisos e paredes que simulam a atmosfera lunar. O local conta com painéis explicativos que, através de vídeos e textos, exibem as diferenças entre a missão Apolo 11 — responsável pelo primeiro pouso humano no satélite — e a Artemis, próximo programa de exploração da NASA.


Há também a “Dark side of the Moon”, ala que traz um conjunto de obras de diversas áreas inspiradas no corpo celeste, representadas através de músicas, literatura, artes cênicas e visuais.

Estação Marte

Imagem: Divulgação

A segunda parte tem como ambientação uma sala que simula Marte. Logo na entrada, os visitantes experimentam “sair de uma nave e desembarcar na atmosfera quente do Planeta Vermelho — sensação amplificada pelos tons terrosos e alaranjados, com texturas rochosas e pedras espalhadas pelo cenário”, segundo o anúncio da exposição.


O salão apresenta a jornada de exploração conduzida pela agência espacial, com amostras de veículos e equipamentos que astronautas utilizarão nas primeiras missões tripuladas, previstas para 2030. Há também uma representação de uma possível colonização no futuro.


Serviço

Exposição Futuro Espacial — Farol Santander São Paulo

Rua João Brícola, 24

De terça a domingo, das 09h às 20h

Até 05/12


9 visualizações0 comentário