top of page
Buscar

Evento sobre literatura irlandesa é realizado na Fundação Maria Luisa e Oscar Americano, com curadoria de Liana Leão

Beatriz Kopschitz Bastos, Bete Coelho e Caetano W. Galindo são os palestrantes que vão proporcionar ao público uma visita a obra de grandes autores da literatura irlandesa


No dia 22 de junho (sábado), a partir das 10h30, a Fundação Maria Luisa e Oscar Americano vai realizar um encontro sobre literatura irlandesa com convidados referenciais. Realizado na própria Fundação, localizada no bairro do Morumbi, na capital paulista, o evento literário convida o público para conversas interessantíssimas sobre alguns dos grandes autores irlandeses, como James Joyce, William Yeats e Lady Gregory. Na ocasião, será inaugurada uma exposição sobre literatura irlandesa, que estará aberta para visitação até o final de julho.


Em 16 de junho, os meios literários ao redor do mundo celebraram os 120 anos do Bloomsday, dia instituído na Irlanda para homenagear o protagonista de Ulisses, de James Joyce. Único feriado do mundo dedicado a um livro. A série literária da Fundação comemora a data trazendo estudiosos referenciais na obra de Joyce. Com curadoria de Liana Leão, professora da Universidade Federal do Paraná (UFPR), o encontro sobre literatura irlandesa vai proporcionar um aprofundamento em diferentes aspectos dessas produções, como o teatro irlandês, os desafios da tradução para o Brasil e os mistérios das personagens mulheres de Joyce.


“Há uma brincadeira que diz que todos os grandes autores ingleses são irlandeses. Verdade ou não, o fato é que, ao longo de séculos, a Irlanda se firmou como terra natal de gigantes, uma das grandes capitais literárias do mundo”, afirma Liana Leão. “Lar de nada menos que quatro ganhadores do Prêmio Nobel, um recorde impressionante para uma nação de menos de sete milhões de pessoas, uma fração da população de São Paulo”, acrescenta.


Teatro irlandês, tradução e protagonistas mulheres


A abertura do evento será conduzida pela vice-coordenadora Núcleo de Estudos Irlandeses da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Beatriz Kopschitz Bastos, que vai traçar o panorama do teatro irlandês, relacionando-o a diferentes momentos da história. A palestra vai abordar desde o chamado Revival, do período colonial, passando pelo teatro de cunho realista e expressionista pós Primeira Guerra de Sean O’Casey e vai chegar às vozes inovadoras de mulheres e minorias étnicas, como as das contemporâneas Deirdre Kinahan e Rosaleen McDonagh.


Após o almoço, a partir das 14h, o célebre escritor Caetano W. Galindo vai explorar as singularidades de Ulysses, de James Joyce, considerado um dos maiores romances do século XX. Como tradutor da obra para o português, Galindo vai expor os problemas específicos que ela apresenta para uma tradução, tendo em vista que a obra é reconhecida por ter reinventado as regras do jogo da narrativa, misturando diferentes gêneros literários e utilizando técnicas como monólogo interior em mais de 700 páginas.


Em seguida, às 15h30, Galindo conversa com a atriz Bete Coelho, que há anos se dedica a dar voz às personagens mulheres de James Joyce. Juntos, já trabalharam em projetos que discorreram sobre as protagonistas dos dois romances finais de Joyce, Molly Bloom (de Ulysses) e Ana Livia Plurabelle (de Finnegans Wake). Nesse bate-papo, que encerra o encontro, a plateia vai poder refletir sobre a dedicação desse grande escritor irlandês em desvendar a figura feminina em suas obras.


Série Literária “Vamos falar de...”


Neste ano, a série literária da Fundação Maria Luisa e Oscar Americano vai apresentar, além da literatura irlandesa, as literaturas russa e africana. Haverá, também, um encontro para celebrar os 80 anos de Paulo Leminski. “Nosso objetivo é alcançar o público interessado em literatura em suas mais diferentes variações, sempre com convidados referenciais nos temas de cada encontro”, explica Érico Vital Brazil, responsável pela elaboração e produção executiva das séries culturais da Fundação Maria Luisa e Oscar Americano.

“Vamos falar de... Literatura Irlandesa”

Dia 22/06, das 10h30 às 17h, com intervalo para almoço, das 12h às 14h

Ingressos pelo site do Sympla

Meia entrada para estudantes e pessoas com mais de 60 anos

Av. Morumbi, 4077 - São Paulo (SP)

Reservas pelo telefone: (11) 3742-0077

コメント


bottom of page