Buscar
  • Redação JBA

Entidade proporciona capacitação e re/inserção social por meio de oficinas

A Fundação Porta Aberta é uma instituição que apoia pessoas em situação de vulnerabilidade social, ofertando qualificação profissional e social, por meio de cursos profissionalizante, a fim de melhorar a vida dessas pessoas, seja pela a capacidade de gerar renda como autônomo, ou pela estratégia da economia solidária. Além disso, a fundação também se dedica ao acompanhamento de pessoas que fazem tratamento do uso nocivo de álcool e outras drogas.

Turma de jardinagem da unidade Campo Belo em visita a Pinacoteca (Imagem: Reprodução)

A entidade conta atualmente com quatro unidades, sendo uma delas na região do Campo Belo, que oferece atividades de formação em higienização e limpeza, jardinagem e horta, auxiliar de cozinha (panificação e confeitaria) e corte e costura. Além disso, são oferecidas atividades socioculturais afim de desenvolver as competências socioemocionais preparando o público atendido para o mundo do trabalho. Propiciar aos beneficiários meios, para que possam se reconhecer como agentes transformadores das suas histórias, carreiras e vidas, que eles compreendam os seus talentos e potencialidades, ao mesmo tempo, que entendam os pontos que precisam desenvolver.


Durante a quarentena e com a participação de voluntários, a Fundação Porta Aberta passou também a produzir e distribuir refeições as pessoas e situação de rua. Só o mês de abriu, foram distribuídas 1.200 refeições. A produção dessas marmitas é um serviço contínuo da instituição aos seus beneficiários e depende de doações. Aqueles que desejam contribui ou aturem como voluntários podem entrar em contato por meio do site www.portaaberta.org.br ou pessoalmente, no endereço Rua José dos Santos Junior nº563.

0 visualização0 comentário