top of page
Buscar

Engatinhar, pular, girar: novos parquinhos vão estimular desenvolvimento das crianças

Mobiliário, que vai contemplar a acessibilidade, deve começar a ser entregue no segundo semestre pela Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Executiva de Projetos Estratégicos

Praças, parques e equipamentos públicos da cidade vão ganhar brinquedos especialmente desenvolvidos para crianças de 0 a 6 anos. A previsão da Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Executiva de Projetos Estratégicos, é de que os novos brinquedos sejam instalados a partir do segundo semestre deste ano. A meta é revitalizar 100 playgrounds nessa primeira etapa.


Serão 21 tipos de brinquedos, que buscam contribuir com o desenvolvimento das crianças dessa faixa etária, para que possam engatinhar, pular, equilibrar-se, girar, balançar-se, escorregar e receber estímulo cognitivo e sensorial.


Os brinquedos tradicionais, como balanço e gira-gira, terão acessibilidade. Nos novos parquinhos também haverá túneis de madeira, trampolins terrestres, barras de equilíbrio e circuitos elevados com obstáculos de madeira e borracha.


O mobiliário foi desenvolvido a partir de consulta pública lançada pela Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretário Executivo de Projetos Estratégicos. A consulta teve contribuição da sociedade e de empresas, e foi encerrada em março.


Atualmente, dois locais já dispõem desse tipo de equipamento: a Casa de Cultura da Vila Guilherme, o Casarão, na Zona Norte, e o Parque Augusta, na região central.


Alexis Vargas, secretário executivo de Projetos Estratégicos, reforça o compromisso da Prefeitura de São Paulo em tornar o ambiente da cidade mais acolhedor para as crianças de 0 a 6 anos, previsto no Plano Municipal pela Primeira Infância (2018-2030).


Tendo a primeira infância como prioridade, a Prefeitura visa adequar a infraestrutura dos espaços públicos às necessidades das crianças e aumentar a oferta de ambientes estimulantes. Até 2024, dez Territórios Educadores serão implantados em distritos prioritários da primeira infância. O Plano de Ação pela Primeira Infância (2021-2024) e o Plano Municipal pela Primeira Infância (2018-2030) estão disponíveis no site https://bit.ly/InfanciaSP

bottom of page