top of page
Buscar

Encontro inédito de Zezé Motta, Alaíde Costa e Eliana Pittman no Sesc Santo Amaro

Show abre a agenda musical da unidade

Em janeiro, a música brasileira em seus diversos estilos ocupa os finais de semana no Sesc Santo André. Para começar, três divas da canção, Zezé Motta, Alaíde Costa e Eliana Pittman, se unem no show inédito Pérolas Negras, que percorre clássicos de compositores e compositoras negros em duas apresentações, nos dias 6 e 7/01. Em seguida, dia 13/01, a multiartista Bruna Caram mostra seu lado intérprete em uma apresentação dedicada às músicas de Gonzaguinha. No dia 14/01, acontece o encontro memorável de dois artistas nordestinos de gerações diferentes, mas com forte ligação com a cultura popular: a compositora, cantora e percussionista pernambucana Alessandra Leão e o alagoano Sapopemba, percussionista, cantor e pesquisador da diversidade afro-brasileira.


Show inédito dedicado à reflexão sobre a participação e contribuição de compositoras e compositores negros na música brasileira. Três mulheres negras importantíssimas da cultura musical de todos os tempos se reúnem à frente de um repertório que abrange gêneros e estilos diversos, de Cartola a Criolo, passando por Milton Nascimento, Candeia, Jorge Ben, Johnny Alf, Cartola, Martinho da Vila, Gilberto Gil, Tim Maia, Luiz Melodia, Djavan, Leci Brandão, Paulinho da Viola e Ataulfo Alves. Zezé Motta tem 50 anos de carreira e é uma das mais respeitadas atrizes e cantoras da música brasileira. Tem mais de 10 discos lançados, inclusive um deles dedicado a Luiz Melodia e Jards Macalé, “Negra Melodia”. Alaíde Costa é cantora e compositora, precursora da Bossa Nova, e com 60 anos de trajetória artística. Tem parcerias com Vinicius de Moraes, Tom Jobim, Geraldo Vandré e Johnny Alf. Eliana Pittman tem 50 anos de carreira, atuou em mais de 30 países e começou sua carreira ao lado do pai, o saxofonista americano Booker Pittman, de quem herdou toda influência jazzística. O show Pérolas Negras tem direção musical do violonista Joan Barros e direção artística de Thiago Marques Luiz.


Dia 6/1, sexta, das 20h às 21h30 Dia 7/1, sábado, das 19h às 20h30 Ingresso – R$40 / R$20/ R$12

bottom of page