Buscar
  • Redação JBA

Em fevereiro, Japan House São Paulo destaca extensa programação em formato presencial e online

Oficina, visitas mediadas e ciclos de conversas são algumas das atividades que compõem a programação voltada para a cultura japonesa

Imagem: Estevam Romena

Em fevereiro, a Japan House São Paulo oferece uma programação gratuita e variada, tanto no ambiente virtual como em sua sede, na Avenida Paulista. Dentre os destaques, está a reabertura da biblioteca, no térreo, composta por mais de 2 mil livros sobre o Japão divididos nas categorias de viagem, cultura, design, tecnologia, arquitetura, história, entre outros, disponíveis para consultas e leitura no próprio local.


No sábado, 12/2, às 17h, acontece o Ciclo de Mangá para os amantes dos quadrinhos japoneses. Nesta retomada do bate-papo virtual, a leitura gira em torno do mangá Silver Spoon, de Hiromu Arakawa, que acompanha a vida de Yugo, um garoto que decide estudar em uma escola agrícola, imaginando ser um meio mais fácil de se formar e, posteriormente, entrar em uma faculdade – e de se distanciar de sua família –, mas que logo no começo das aulas descobre que a realidade não era bem o que ele pensava. Em pauta estão temas ligados à obra, como a conexão entre os japoneses e a natureza, a importância e a diversidade do trabalho rural no Japão, bem como sonhos e desejos para o futuro. O link de acesso será divulgado no site da Japan House São Paulo.


Já a rodada online de Conversas com o Educativo de fevereiro será sobre a história da fabricação do vidro no Japão, marcada pelo contato com o ocidente e pelo desenvolvimento de técnicas que transformaram essa matéria em algo profundamente japonês. Na conversa Do Biidoro ao Garasu: O Vidro no Japão, realizada dia 15 (terça-feira), às 16h, a ideia é compreender como a transformação do vidro dentro do país revela características importantes da cultura nipônica, partindo de uma visita à mostra Sopros. Os interessados devem realizar a inscrição prévia no site da instituição. O evento contará com os seguintes recursos de acessibilidade: libras, audiodescrição e legendas.


Também é possível fazer visitas mediadas presenciais à exposição Sopros – designs de vidro japonês, conduzidas pela equipe do Educativo da JHSP. Realizadas nos dias 9, 11, 16 e 18/2, em dois horários: 11h30 e 15h; e nos dias 23 e 25/02, somente às 11h30, as visitações promovem um diálogo a respeito das experiências dos visitantes na mostra.


Encerrando a agenda de fevereiro, o grande Daruma, de dois metros de altura da campanha #DARUMAJHSP segue percorrendo diversas ruas de São Paulo até 27 de fevereiro. Muito reverenciado e popular no Japão, o Daruma é conhecido como um amuleto da sorte para a realização de desejos, bastando pintar o olho esquerdo ao fazer um pedido e o direito quando este for atendido, em um processo chamado de “O abrir dos Olhos”. O roteiro segue pelo Largo da Batata (14 a 20/2), terminando em frente a Japan House São Paulo (de 21 a 27/2).


A partir de fevereiro, a Japan House São Paulo passa a exigir a apresentação do comprovante de vacinação para entrada na instituição. É solicitada a comprovação de, pelo menos, dois doses para visitantes acima de 18 anos e de, no mínimo, uma dose para pessoas de 12 a 18 anos.

Japan House São Paulo Endereço: Avenida Paulista, 52 – São Paulo, SP Horário de funcionamento: terça a sexta, das 10h às 18h; sábados, das 9h às 19h; domingos e feriados, das 9h às 18h.