Buscar
  • Redação JBA

Culinária Sul-mato-grossense no Campo Belo

Um prato de origem oriental que foi declarado patrimônio imaterial de Campo Grande é a especialidade do Sim Sobá, restaurante da chef Vanessa Carvalho

De origem japonesa, o Sobá ganhou fama no Brasil no MS (Imagem: Divulgação)

Que tal uma refeição apenas com gostosuras típicas da gastronomia de Mato Grosso do Sul (MS)? Essa é mais uma novidade que chega à gastronomia paulistana, graças à chef Vanessa Carvalho. O Sim, Sobá, comandado por ela, é um restaurante de culinária artesanal, que a partir das novas restrições da pandemia, passou a abrir apenas algumas vezes por mês para entrega.


A chef campo-grandense é apaixonada pela culinária do seu estado, da qual se tornou grande especialista e entusiasta e a especialidade, como o nome do restaurante sugere, é o Sobá. De origem japonesa, o Sobá ganhou fama no Brasil no MS. A combinação de macarrão, omelete, carne de porco (na versão mais tradicional), cebolinha e um caldo com temperos típicos foi trazida para o Mato Grosso do Sul na década de 50, por Eiho Tomoyohe e, já em 2006, virou patrimônio histórico e cultural de Campo Grande.


O alimento era consumido pelos imigrantes japoneses, trabalhadores da agricultura, quase de forma escondida. Conta a chef Vanessa, que na feira noturna de Campo Grande, eles vendiam verduras e legumes, e também pastel. Mas, quando iam jantar, sentavam-se atrás das barracas para degustar o sobá. A intensão não era esconder, mas evitar serem mal interpretados, já que o prato era bem diferente das refeições a base de carne, típicas da região. A curiosidade dos frequentadores da feira fez com que o sobá saísse do fundo das barracas e passasse a ser oferecido também aos clientes.


A ‘Feirona’ de Campo Grande é uma feira noturna, que funciona às quartas e também nos fins de semana. O hábito de fazer um lanche ‘depois da balada’ que existe em São Paulo, também era adotado por lá e o prato da madrugada era sempre o Sobá. A feirona era uma feira normal, com barracas de lona, montadas na calçada. A área em que ela acontecia foi vendida e a Feira Central, acontece hoje na Esplanada Ferroviária, com boxes de alvenaria. É um passeio turístico obrigatório da cidade. Além das frutas e verduras, também há lojas de artesanato regional e muitas ‘Sobarías’.


O restaurante abre apenas duas vezes por mês, exclusivo para entregas. O cardápio oferece seis opções de Sobá: Carne Suína, Carne Bovina, Frango, Shimeji, Vegano e Vegetariano. Há também bebidas criadas pela chef, além de sobremesas típicas de Mato Grosso do Sul, como a cocada pantaneira. O delivery é feito por entregadores contratados pela casa ou por aplicativos. Para conferir os dias com entregas disponíveis basta visitar o perfil no Instagram @simsoba. Vale a espera!


Restaurante Sim Sobá

Rua Zacarias de Góes, 1770

Pedidos: 2892.0527 ou 98696-5212

Ou pelos aplicativos iFood e Rappi

Horário de entrega almoço: 11h às 15h

Horário de entrega jantar: 18h às 22h


5 visualizações0 comentário