Buscar
  • Vito Zanella

Commander chega em duas versões completas

Por Vito Zanella


A Jeep agora apresenta o maior e mais sofisticado modelo da marca já produzido no Brasil, o Commander. Fabricado no Polo Automotivo de Goiana (PE), o modelo é o primeiro Jeep desenvolvido no País, mas, segundo a marca, trará conceito global e será exportado para outros países latino-americanos. O SUV de sete lugares chega em duas versões completas: Limited e Overland (ambas com opções Turbo flex 4x2 e Turbo diesel 4x4). Os preços sugeridos são: R$ 199.990,00, Limited Turbo Flex AT6; R$ 219.990,00, Overland Turbo Flex AT6; R$ 259.990,00, Limited Turbo Diesel 4x4 AT9; e R$ 279.990,00; Overland Turbo Diesel 4x4 AT9.

Design - O equilíbrio das linhas traz a elegância e dinamismo para um típico Jeep. Também possui as tradicionais e marcantes sete fendas que, juntamente com os faróis unificados, apresentam uma assinatura única, reforçando a largura e imponência da personalidade do Commander. A silhueta traseira e a barra horizontal também combinam com os músculos robustos e a sofisticação da assinatura das lanternas. Além disso, o DNA Jeep pode ser observado em todos os detalhes, como nos arcos de roda trapezoidais, ângulos de rampa e altura de solo que caracterizam o family feeling lateral.


O grupo óptico foi desenvolvido para trazer uma dose extra de exclusividade ao modelo. Os faróis Full LED proporcionam mais segurança e possuem seta dinâmica, outra tendência premium, que funciona como um elemento adicional de elegância ao conjunto óptico. Já as lanternas do Commander, também em LED, contam com desenho inédito e trazem acabamento em cromo acetinado, com quatro refletores inferiores, sendo um com a função de seta e os outros três com luz de posição e freio. O grupo óptico traz total harmonia entre suas luzes, uma vez que, os faróis de neblina e DRL também são em LED.


O interior foi projetado para entregar um refinamento de alto nível, o que pode ser visto até nos bancos, feitos em couro com detalhes em suede. Além de ser um requinte visual, a mistura de materiais também traz uma sensação inigualável de maciez e conforto. Os assentos possuem ainda costura aparente, com tom acobreado, bordado no encosto e nos assentos dos bancos. O logotipo da Jeep vem gravado em baixo relevo (versão Limited) no banco e no apoio de braço, que ainda traz o ano de fundação da marca (1941). Na Overland, o nome da versão é que vem gravado nos bancos.


Alinhado aos bancos, também há revestimento em suede e couro no painel com costura em burnished cooper nos acabamentos em marrom e preto e em light diesel grey no acabamento em cinza, reforçando o requinte no novo modelo. Há ainda um filme decorativo hydrographic com acabamento metálico, que varia de acordo com o tom do interior: vertical brush com cromado cobre, silver metal brush com cromado e ainda vertical brush com cromado acetinado. A sofisticação é observada até mesmo nos badges externos do modelo como o nome do carro e logo Jeep. Eles trazem duplo acabamento em cromo acetinado e cobre.



Espaço Interno - Espaço é algo que não falta no Commander. São três fileiras de assentos, sete lugares e um dos maiores porta-malas da categoria com 1.760 litros com todos os bancos rebaixados, 661 litros na configuração com cinco ocupantes e 233 litros com os sete assentos levantados, o maior volume com sete ocupantes no segmento. Além disso, o modelo também conta bom espaço de porta-objetos: 31 litros de volume.


O Commander permite o rebatimento dos assentos de oito formas diferentes, levando a uma ampliação do vão de carga fácil e intuitiva. Além disso, não é somente a primeira fileira que traz o máximo de conforto e praticidade. A segunda fila tem um deslocamento longitudinal de até 14cm, permitindo escolher entre um maior espaço de pernas também para os passageiros da fila do meio ou optar por aumentar ainda mais o porta-malas. Além disso, a segunda e terceira fileiras de assentos são reclináveis, garantindo uma posição mais confortável personalizada entre cada ocupante. Para completar, o Commander tem ótima acessibilidade a todo esse espaço, com ângulo de abertura de portas de 80°, o melhor entre seus concorrentes.

Tecnologia - O Commander se destaca por trazer muita tecnologia de ponta. Vem com cluster Full Digital personalizável de 10,25” e central multimídia com tela touch de 10,1” Full HD com navegação embarcada e espelhamento para Apple Carplay e Android Auto por conexão sem fio. Conta também com carregamento de smartphones sem a necessidade de cabo. Basta apoiar o aparelho na parte indicada do console central. O procedimento ocorre por indução (é necessário que o aparelho celular seja compatível com a tecnologia). No entanto, caso outros passageiros queiram realizar o carregamento com fio, existem portas USB nas três fileiras de assentos.


Traz também acesso ao porta-malas com abertura e fechamentos elétricos na Limited e Overland, sendo que na última ainda há sensor de presença (Hands-Free). Ainda há pára-brisas e vidros laterais térmicos, rebatimento automático dos retrovisores, Keyless Enter ‘N Go e ar-condicionado Dual Zone com canal dedicado aos assentos traseiros. Outros destaques em tecnologia, que oferecem mais conveniência ao cliente, são o banco do motorista com ajuste elétrico em todas as versões, banco dianteiro do passageiro com ajuste elétrico na Overland e o amplo teto solar panorâmico.


O Commander vem muito bem equipado de série em todas as versões com tecnologias de direção autônoma muito valorizadas por clientes do segmento premium, como o ADAS (Sistemas Avançados de Assistência ao Motorista), onde traz controle de cruzeiro adaptativo, alerta de colisão com frenagem automática, detecção de ponto cego e de tráfego cruzado, alerta de mudança de faixa, frenagem de emergência para pedestres, ciclistas ou motociclistas, detector de fadiga do motorista, reconhecimento de placas de velocidade, comutação automática de faróis e park assist.


Para completar a melhor experiência a bordo, o modelo traz o sistema de som da marca premium Harman Kardon com 9 alto-falantes, subwoofer e 450 Watts de potência. Ele conta ainda com a exclusiva tecnologia Fresh Air, que utiliza dutos da cabine como “caixa acústica”. Isso elimina a necessidade de caixas tradicionais, reduzindo o peso do sistema em 40% e o volume em 70%, além de garantir uma pressão de som mais alta e uma faixa de graves mais profunda.


Como não poderia deixar de ser, o SUV é totalmente conectado. O modelo traz a Adventure Intelligence, plataforma de conectividade exclusiva da Jeep, em todas as versões. A plataforma entrega conveniência, assistência e entretenimento com mapas inteligentes, chamadas de emergência e wifi hotspot, que conecta até oito aparelhos no wifi nativo do Jeep Commander.


Uma grande novidade da plataforma na versão Overland é a função Alexa in vehicle, que leva a assistente pessoal da Amazon para dentro do novo SUV da Jeep. Basta estar conectado e sincronizado com sua conta e é possível utilizar todas as funções da Alexa de dentro do carro. Além de todos os comandos já conhecidos, como fechar os vidros, ligar os faróis ou o motor, o modelo tem acesso a todos os comandos da assistente, inclusive externos ao veículo. Por exemplo, é possível pedir ao Commander para abrir o portão da garagem, ver a condição do tempo, procurar um restaurante ou uma farmácia, ou até mesmo acrescentar um item a uma lista de compras. E traz ainda o Jeep Off-Road Pages com informações como grau de inclinação vertical e lateral, sistema de tração selecionado e status do bloqueio de diferencial. Em relação a segurança, além de trazer os diversos itens de condução autônoma acima, o modelo oferece sete airbags de série em todas as versões: dois frontais, dois laterais, dois de cortina e um para o joelho do motorista.


Versões Turbo Flex T270 4x2 AT6 - O Commander vem equipado com o motor T270, que oferece baixas emissões de CO2 e ótima performance. Ele já vem preparado para atender aos requisitos do Proconve L7, previsto para janeiro de 2022. Seu design é focado na eficiência e apresenta baixo consumo de combustível. Com tecnologia global e produzido no Brasil, o T270 tem 185 cv e 270 Nm e é o motor flex de maior potência do país entre os motores turbo flex. As versões Turbo Flex do Commander possuem sistema de tração 4x2 e câmbio automático de 6 velocidades. Possui também o Traction Control +, sistema de controle de tração que atua em condições em que o veículo tenha piso de baixa aderência com o solo em uma das rodas. Ele está disponível para todas as versões 4x2. O sistema aplica torque de frenagem na roda que está escorregando e transfere o torque para outra roda que esteja em contato com o piso.


Versões Turbo Diesel TD380 4x4 AT9 - O Commander também oferece como opção o motor turbo Diesel TD380, de quatro cilindros, que recebeu um mapa de calibração específico, novo volante motor, novo conversor de torque, nova turbina e teve a curva de pedal aprimorada, permitindo um aumento de torque de 350 Nm para 380 Nm. Com 2.0 litros e quatro cilindros, o propulsor possui 170 cv de potência. O TD380 também ainda antecipa o atendimento às normas do Proconve L7. A autonomia é de cerca de 10 mil km. Todas as versões Turbo Diesel do Commander possuem sistema de tração 4x4 com reduzida, câmbio automático de 9 velocidades, seletor de terrenos com três modos (Sand/Mud, Snow e Auto) e HDC (Hill Descent Control), que auxilia o motorista em descidas íngremes durante percursos off-road. Além disso, possuem altura mínima de solo de 21,2 cm, ângulo de entrada de 26° e de saída de 24°.


Versões - A versão Limited vem com rodas de liga leve de 18”, conjunto óptico Full Led e bancos em couro e suede preto e acabamento interno preto. Traz muita tecnologia com cluster Full Digital de 10,25”, central multimídia de 10,1” com plataforma Adventure Intelligence e espelhamento sem fio, carregador de celular por indução, Keyless Enter ‘N Go, bancos dianteiros com ajustes elétricos e abertura elétrica do porta-malas. Além disso, conta com sete airbags e todos os sistemas de direção autônoma (ADAS) citados anteriormente. Além de tudo isso, a versão T270 turbo flex 4x2 vem com o Jeep Traction Control+. Já a configuração com motor diesel também conta com modo 4x4 Low, seletor de terrenos com três modos (Sand/Mud, Snow e Auto) e Hill Descent Control.


A Overland traz rodas em liga leve de 19” e bancos em couro e suede marrom. Para completar, além dos conteúdos oferecidos na versão Limited T270, a versão topo de gama do Commander vem também com teto solar panorâmico, sistema de som premium Harman Kardon, banco de passageiro elétrico, porta-malas com sensor de presença e tomadas de 127v. Ela ainda traz Adventure Intelligence Plus com Alexa in Vehicle. Já a configuração TD380, além de tudo que há na Limited Turbo Diesel, traz molduras inferiores na mesma cor do veículo e Jeep Off-Road Pages.



Vito Zanella é jornalista e já passou pela redação de diversos jornais de São Paulo. Atuou como editor de algumas revistas e jornais especializados em automóveis, como Hot Motors, Autos & Afins (do MetroNews), Jornal Farol Autos e Bus Magazine, entre outros.

9 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo