Buscar
  • Redação JBA

Colégio Santo Américo lança projeto Alfabetização Solidária

Iniciativa quer ajudar crianças da rede pública de ensino em idade de alfabetização

Para ajudar crianças da rede pública de ensino, em idade de alfabetização, a amenizar os impactos causados pelo distanciamento social, o Colégio Santo Américo está lançando o projeto Alfabetização Solidária, que vai compartilhar atividades desenvolvidas por educadores do colégio especialistas em alfabetização.


O Alfabetização Solidária segue a linha do projeto e-Socialize, que compartilha aprendizagens e experiências de sucesso dos educadores do Santo Américo com professores das redes pública e privada de todo o país. “Em 2020, cerca de mil professores de todo o país participaram do e-Socialize e pudemos sentir todos os tipos de dificuldades e problemas que os educadores estavam sentindo em virtude do isolamento social e a nova realidade do ensino remoto. Foi a partir desse compartilhamento que nos mobilizamos para criar um projeto que auxiliasse alunos, pais e educadores no processo de alfabetização durante a pandemia”, conta Sabrina Ribeiro Almeida, coordenadora pedagógica da Educação Infantil do Colégio Santo Américo.


Todo o material disponibilizado na plataforma de ensino do colégio foi desenvolvido por educadores do Santo Américo especializados em alfabetização e muitas das atividades pedagógicas fazem parte do banco de materiais da escola. “Nosso objetivo é ajudar esses alunos a manterem o vínculo cognitivo, oferecendo atividades diversificadas que estimulem o desenvolvimento da linguagem e do pensamento matemático”, explica a coordenadora.


Entre as atividades desenvolvidas estão jogos interativos para aprendizado de matemática, contação de história como forma de ampliar o vocabulário e impactar a compreensão leitora, videoaula de música para aprendizado de ritmo e rima e atividades de educação física que trabalham o desenvolvimento motor e psicomotor da criança.


As famílias que se cadastrarem para fazer parte do projeto terão um canal aberto com a equipe do Santo Américo e receberão orientações sobre como auxiliar os filhos e colaborar com eles nessa jornada.


O projeto Alfabetização Solidária atende um dos objetivos de desenvolvimento sustentável da Agenda 2030 da ONU. “Uma das metas da ODS 4 é assegurar a educação inclusiva equitativa de qualidade, promovendo oportunidades de aprendizagem. É isso que pretendemos com esse projeto que traz, ainda, para todos os educadores envolvidos, a experiência da prática do firgun, que é de apoiar as pessoas, ser solidário, compartilhar ou contribuir para o destino de alguém com um coração generoso”, finaliza Sabrina.


Para fazer parte da Alfabetização Solidária, o estudante deve pertencer à rede pública de ensino de qualquer região do país e preencher o cadastro disponível no link https://www.santoamerico.org.br/projeto-alfabetizacao-solidaria/

38 visualizações0 comentário