Buscar
  • Redação JBA

Cinderella, o musical volta aos palcos de São Paulo

Musical entra em cartaz a partir de 02 de setembro, no Teatro Liberdade

Fabi Bang, como Cinderella (Imagem: Divulgação)

Quem nunca sonhou com um príncipe encantado? Esse é um desejo universal e deu origem a uma série de contos de fadas que se perpetuam de geração em geração. Nenhum deles, contudo, é mais famoso do que Cinderella, a gata borralheira que se transforma em princesa por um dia e encontra seu grande amor, graças ao sapatinho de cristal perdido.


A prova de que esse sonho segue cada vez mais vivo é o sucesso de 'Cinderella, o musical', que retorna a São Paulo no dia 02 de setembro, no Teatro Liberdade, após temporadas de sucesso no Rio de Janeiro e São Paulo, além de uma grande turnê nacional. A nova montagem de 'Cinderella', de Rodgers & Hammerstein, com direção de Charles Möeller e Claudio Botelho, retorna em grande estilo em 2021, celebrando os 70 anos da princesa mais querida de todos os tempos, com Fabi Bang (Cinderella), André Loddi (Príncipe Topher), Diego Montez (Jean Michel), Gottsha (Madrasta), Helga Nemetik (Fada Madrinha) e grande elenco.

Com direção da consagrada dupla Charles Möeller e Claudio Botelho, a versão brasileira de 'Cinderella' estreou no Brasil em 2016, sendo vista por mais de 300 mil pessoas, passando por Rio, São Paulo (em duas temporadas) e várias capitais brasileiras. O espetáculo colecionou prêmios, como o Reverência (Melhor espetáculo voto popular, cenário e iluminação), Bibi Ferreira (Melhor cenário) e Botequim Cultural (Melhor figurino).


A versão brasileira é repleta de momentos especiais, mas a cena que impacta a plateia é o momento no qual a Fada Madrinha deixa a princesa pronta para o baile com, literalmente, um passe de mágica. Tudo graças a efeito holográfico em 3D, usado pela primeira vez em cena no Brasil. Os efeitos visuais tomam conta da peça em outros momentos, como quando a Fada Madrinha voa e também quando monstros invadem e incendeiam a plateia. O elenco da nova montagem conta ainda com Luana Bichiqui (Charlotte), Thuany Parente (Gabrielle) e Fernando Palazza (Lorde Pinkleton), entre outros.


Renata Borges, Diretora Executiva da Touché Entretenimento - que já trouxe ao país grandes musicais, como 'Peter Pan, O Musical', 'Madagascar, uma aventura musical', 'Sim! Eu Aceito' e 'Como Eliminar Seu Chefe' - ressalta a importância de se incentivar a cultura. "É fundamental o patrocínio do Banco RCI Brasil, que enxerga a cultura como uma ferramenta de mudança positiva, apostando em conteúdo para toda a família, de uma forma leve, que consegue atingir todas as classes sociais", celebra.


'Cinderella, O Musical' é uma realização da Touché Entretenimento e tem direção musical de Carlos Bauzy, figurinos de Carol Lobato, luz de Maneco Quinderé, cenografia de Rogério Falcão e coreografia de Alonso Barros. "Banco RCI Brasil" apresenta o espetáculo, que tem patrocínio da Lorenzetti e Eurofarma.

Não se atrasem, o baile vai começar!

Serviço

'Cinderella, o musical da Broadway'

Local: Teatro Liberdade

Estreia: 02 de setembro

Endereço: Rua São Joaquim, 129, Liberdade

Horários:

Quintas e sextas: 20h30

Sábados: 16h e 20h30

Domingos: 16h e 20h

Preços:

Plateia Baixa R$ 240,00/R$ 120,00

Plateia Alta R$ 200,00/R$ 100,00

Balcão A R$ 150,00/R$ 75,00

Balcão B R$ 120,00/R$ 60,00

Vendas: eventim.com.br

Classificação etária: Livre

Duração: 150 min (com 15 minutos de intervalo)