Buscar
  • Coronel Camilo

A conscientização deve continuar

Por Coronel Camilo


Há pouco tempo os alunos voltaram a ter aulas presenciais, com certo distanciamento. Os espetáculos estavam permitidos, com capacidade reduzida. Agora, tudo caminha para o normal. Estamos observando que muitos estados, entre eles São Paulo, liberaram os eventos, os shows, as aulas, os jogos de futebol, todos com 100% da sua capacidade. A lotação pode ser atingida desde que se utilize as precauções do uso do álcool gel e máscaras. Estamos caminhando para a normalidade, mas ainda é muito cedo para relaxar.


Chegamos ao patamar de 73% da população brasileira vacinada com a primeira dose. O total de pessoas que tomaram a segunda dose ou a dose única chega a 54% dos habitantes do país. Somos um case mundial quando se trata de vacinação. Contudo, o número de mortes, que no mundo ultrapassa 5 milhões e no Brasil mais de 600 mil, ainda está longe de permitir o relaxamento das medidas de proteção.


Em São Paulo, graças a iniciativa do governador João Dória, estamos na frente no quesito vacinação. Iniciamos o processo de vacinação em janeiro, arrastamos o país e os governos estaduais a agirem e também tomar providências para o processo de vacinação. Em São Paulo chegamos a 80% da população vacinada com a primeira dose e 67% com a segunda dose ou dose única, além de já termos 6% de vacinados com a dose de reforço.


O poder público, principalmente em nosso estado, agiu rapidamente para fazer frente à pandemia. O governo, de forma pioneira, criou o Comitê de Contingência para acompanhar a pandemia e tomar as melhores decisões, baseadas na ciência. Criou, também de forma inovadora, uma força-tarefa, o chamado Comitê de Blitze, para fiscalizar e evitar as aglomerações, evitando que a COVID-19, até então pouco conhecida, se espalhasse.


A Polícia Militar, que segue protegendo, salvando e colaborando, como em muitos outros momentos difíceis, também apoiou nessa empreitada. Além de apoiar a Vigilância Sanitária nas ações contra a Covid-19, chegou a empregar mais de 15 mil homens em muitos finais de semana para prevenir e dispersar as aglomerações. Em alguns desses finais de semana o número de dispersões passou de 20.000.


Com as liberações citadas, necessárias para que a vida continue cada vez mais dentro da normalidade, mais uma vez a nossa participação é de extrema importância para que consigamos vencer mais essa etapa. Cabe a cada um de nós, independente de participarmos ou não de grandes eventos, tomarmos cuidado com a nossa proteção e precauções para que possamos nos proteger e proteger aqueles que nos rodeiam, principalmente a nossa família.


O momento de conscientização, bom senso e solidariedade continua. Precisamos exercitar mais estes conceitos. Se todos continuarem colaborando, venceremos mais esse desafio, com menos contaminados e mais vidas salvas.


Coronel Camilo é secretário-executivo da Polícia Militar. É formado em Administração de empresas pelo Mackenzie, com bacharelado em Direito pela Universidade Cruzeiro do Sul e pós-graduado em Gestão de Tecnologia da Informação pela FIAP e em Gestão de Segurança Pública pela Secretaria Nacional de Segurança Pública.

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo